CS Imagem & Estilo

[Detalha Página]
imagem-pessoal - 12.07.2017

Para além da roupa!

Um dos especialistas no Brasil em Linguagem Corporal, Bruno Santos da Silva, afirma que 93% da nossa comunicação é não verbal, ou seja, composta por gestos, postura, expressões faciais e com certeza pode incluir nesse pacote a IMAGEM!

Não é a toa que a primeira impressão é a que fica! Somos seres visuais e nosso cérebro funciona assim. Salivamos pelo prato mais bonito, nos enojamos com imagens repulsivas e, julgamos pela aparência!!!

Gloria Kalil, consultora de moda também especialista em comportamento, afirmou em um trecho do recém lançado Chic Profissional Circulando e trabalhando em um mundo conectado: “…bateu o olho, a fotografia esta feita. É assim, rápida e impiedosa, que formamos nossa primeira impressão sobre o outro”.

Ainda há pessoas por ai que não acreditam ou menosprezam o poder da imagem e se valem da liberdade do “eu uso o que eu quero” e “não me importo com a opinião dos outros” para surgirem e se portarem de maneira inadequada em diferentes situações. Mas, há também quem o faça por pura falta de conhecimento e por isso estamos aqui!

Quem nunca ficou na duvida do que usar na festa de final de ano da empresa, ou como se comportar em um jantar, ou na festa de amigo secreto? Eu já, várias vezes! E quem me dera ter conhecido a consultoria de imagem nessa época….tenho certeza que teria errado bem menos!

Então, quais os recursos mais comuns para minimizar os erros?

  1. Na dúvida vá de preto: nem sempre o preto é o mais recomendado mas, ainda assim é reconhecido como uma cor neutra e clássica. Observe em qual situação ira usá-lo: situações informais faça o combo com jeans e situações formais opte por vestido com cumprimento no joelho. Mantenha precaução quanto a transparências, decotes e fendas. Se não tem certeza, não use!
  2. Pesquise e pergunte: códigos de vestimenta servem justamente para orientar e minimizar os erros. São mais comuns para festas e eventos e em geral são elaborados por profissionais que entendem do assunto. Mas, eles existem para qualquer situação social, da gala ao churrasco então, não tenha vergonha de perguntar! Isso demonstra preocupação e consideração com seu anfitrião. O batizado do priminho será comemorado em um restaurante ou churrasco no sitio? No sitio tem grama, é a beira da piscina? Qual a época do ano? Esta localizado muito próximo a mata? Tudo isso te ajuda a “aparecer” corretamente!
  3. Observe como as pessoas se comportam: a imagem pessoal não esta limitada ao que se veste, ela é também postura e comportamento. Não sabe como se portar em determinada situação? Observe o que os demais estão fazendo! Se for uma situação mais descontraída as pessoas estarão menos contidas, talvez rindo mais a vontade. Se for mais formal, provavelmente não! Já vi uma pessoa gargalhando em velório e senti vergonha por ela!
  4. Seu tom de voz, gestos e expressão não são linguagens universais, elas variam de região, cidade ou pais. Tenha cuidado com gírias para não ser mal interpretado. Não sabe como cumprimentar quem esta vendo pela primeira vez? Espere que ela tome a iniciativa. Se estender a mão, retribua igualmente. Vale para o famoso cumprimento com beijo, habito brasileiríssimo! Esta visitando um lugar pela primeira vez e não teve tempo de pesquisar? Mais uma vez observe, reproduza e também esteja aberto. Precisamos ser adaptáveis!

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:


Quer receber as novidades do blog e dicas sobre imagem pessoal?

Assine nossa newsletter!

Instagram