CS Imagem & Estilo

[Detalha Página]
imagem-pessoal - 14.03.2018

Ousadia nos pés!

O post de hoje esta dedicado a uma duvida que muitas mulheres tem, inclusive minhas clientes no inicio da consultoria, e que acaba fazendo com que a gente perca a segurança no momento de se vestir: como eu combino meu sapato???

Durante um longo período era mandatório combinar o sapato com a bolsa e até o cinto. Esses acessórios eram inclusive vendidos em conjunto porém, já faz algum tempo que vivemos livres dessa regra.
Os sapatos, e as bolsas também, são excelentes recursos para quem quer começar a adicionar cores diferentes das habituais e texturas inusitadas (pêlos, penas, couro, tachas).
É fato que a combinação de cor e textura entre sapato e bolsa dá segurança para quem usa e muito conforto visual para quem esta te olhando. Mas, você pode perder a oportunidade de dar uma pitada de ousadia e singularidade no seu visual.
Então, para aquelas que querem ousar vai algumas orientações.

  1. Inverta a ordem

    não tenho dúvida que você se sentirá mais confiante em ousar na cor do sapato quando ele for liso e reproduzir ao menos uma cor da calça estampada que estiver usando. Mas, que tal inverter a “ordem natural” e usar o sapato estampado/colorido jogando a cor lisa para a calça. Vale a tentativa!

  2. Tente reproduzir a textura

    se a sua roupa é maleável, agradável ao toque e transmite sensação de aconchego, tente reproduzir essa sensação nos sapatos também. Vejam como a saia em tecido soft com sensação de calor e um convite a toca-la, é reproduzida no sapato através dos pompons. O mesmo vale para uma roupa estruturada, metalizada ou fria. Reparem como o salto metalizado da sandália conversa com a temperatura fria da saia e o distanciamento da cor também é representada pelo formato do salto, mais quadrado.

  3. Tente reproduzir os elementos

    principalmente quando a peça de roupa for estampada tente reproduzir os elementos ou temas da estampa nos sapatos. Aqui a estampa de onça e tigres da saia “conversa” facilmente com o sapato. Você pode fazer isso com poás, listras, folhagens, etc

  4. Quando o sapato for liso

    Lembre-se de usar o círculo cromático, que eu ensinei aqui, e monte esquemas de cor com seu sapato. Eles podem ser monocromáticos, complementares, análogos e por ai vai, depende do grau de ousadia que você quer alcançar. No exemplo a seguir vemos um esquema complementar (cores opostas) porém, em um versão mais suave.

Gostou? Então compartilhe com seus amigos:


Quer receber as novidades do blog e dicas sobre imagem pessoal?

Assine nossa newsletter!

Instagram